Qual a melhor conta internacional em 2024? Conheça o top 5

Andrea Côrtes
Darini Rocha
Revisora
Atualizado
24 de janeiro de 2024

Viajar pelo mundo pode ser uma experiência bastante enriquecedora, mas também desafiadora quando o assunto é usar diferentes moedas, encarar taxas de câmbio e sistemas bancários. Para conquistar praticidade e economia ao gastar no exterior, é importante escolher a melhor conta internacional.

Neste artigo, você vai conhecer algumas das contas mais interessantes para viajantes, expatriados e nômades digitais. Aproveite para comparar recursos, custos e vantagens.

Você vai encontrar neste artigo:

Descubra a conta WiseDescubra a conta Revolut

5 melhores contas internacionais

Nesta comparação, foram selecionadas 5 contas internacionais com recursos interessantes para quem precisa usar dinheiro no exterior:

  • Conta Wise: conta multimoedas com suporte a +40 moedas, +160 países e permite receber dinheiro em até 9 moedas;

  • Conta Revolut: conta multimoedas com suporte a +30 moedas, +150 países, poupanças e investimentos;

  • Conta Nomad: conta corrente em dólar com acesso a descontos e investimentos;

  • Conta My account Bradesco: conta em dólar e de investimentos disponíveis para correntistas do Bradesco;

  • Conta Easy/BB Américas: conta em dólar disponível para correntistas do Banco do Brasil.

Saiba mais sobre a WiseSaiba mais sobre a Revolut

O que é uma conta bancária internacional?

Uma conta bancária internacional suporta transações financeiras, como pagamentos, transferências e saques, no exterior. Normalmente, permitem adicionar saldo em moedas estrangeiras, aumentando a praticidade e economia na hora do câmbio.

Também é comum a oferta de cartões de débito e crédito associados. Com eles, o usuário pode usar o dinheiro adicionado em conta ou um limite pré-aprovado em estabelecimentos, lojas e caixas eletrônicos internacionais.

As contas bancárias internacionais oferecem uma série de benefícios:

  • Possibilidade de manter saldo em moedas estrangeiras para fazer pagamentos e saques como um local;

  • Normalmente, aplicam tarifas menores que as de casas de câmbio e grandes bancos;

  • Muitas contas não aplicam taxas de transação internacional;

  • Muitas contas são digitais e permitem fazer e monitorar operações online;

  • Já existem contas com recursos completos, como programas de pontos e plataformas de investimentos.

É possível abrir uma conta bancária internacional?

Sim, é possível abrir uma conta internacional em bancos, como o Banco do Brasil e Bradesco, e provedores especializados, como Wise e Revolut. Essas contas podem facilitar e baratear bastante as operações diárias de quem precisa gerenciar finanças em diferentes países e moedas.

Abra a sua conta multimoeda WiseAbra a sua conta multimoeda da Revolut

Qual é o melhor banco internacional? 

A escolha da melhor conta bancária internacional vai depender das necessidades de cada usuário. Por isso, é muito importante conhecer e comparar os recursos e custos das principais alternativas do mercado antes de se decidir.

A seguir, confira uma visão geral dos principais bancos e provedores disponíveis no Brasil. Depois, você poderá explorar cada solução em mais detalhes e ainda conferir dicas do que observar ao pesquisar sobre bancos internacionais.

RecursoWiseRevolutNomadBradescoBB Américas (Easy)
Taxa de abertura de contaGratuitoGratuito GratuitoGratuito*Depósito inicial de USD 100
Taxas de manutenção de contaGratuitoGratuitoGratuitoNão informadoGratuito
Conta multimoedaSuporte a +40 moedasSuporte a +30 moedasApenas dólarApenas dólarApenas dólar
Cartão de viagem (débito ou crédito)Cartão de débito internacionalCartão de débito internacionalCartão de débito internacionalCartão de débito internacionalCartão de débito internacional
Taxas de transação estrangeiraNão háNão háNão háNão informadoNão informado
Taxas de conversão de moedaCâmbio comercial + IOF de 1,1% + taxa de serviço a partir de 0,43%Câmbio comercial + IOF de 1,1% + Taxa de serviço de 1% em horário comercial e 1,5% fora do horário comercialCâmbio comercial + IOF de 1,1% + taxa de serviço de até 2%Câmbio comercial + IOF de 1,1% + taxa de serviço não informadaNão informado
Saques internacionais

2 saques/ mês (até BRL 1.400) - gratuito 


3 saques ou mais - 6,50 BRL + 1,75% sobre valor excedente

Não informado no Brasil

Caixa eletrônico da rede MoneyPass - Gratuito


Caixas de outras redes - Não informado

Não informado

Caixas BB Américas, Presto e All Point - Gratuito


Caixas de outras redes - 3 USD/ saque

* Isenção de tarifa por período limitado.

Consulta realizada em 15/01/2024 nos sites Wise, Revolut, Nomad, Bradesco e BB Américas.

Em resumo:

  • A conta Wise é a solução com mais moedas suportadas e menos tarifas para converter, guardar e gastar dinheiro internacional;

  • A conta Revolut é interessante por oferecer a segunda maior quantidade de moedas suportadas e recursos bancários adicionais;

  • A conta Nomad é melhor para que pretende operar em dólar nos EUA ou investir no exterior;

  • A conta My account Bradesco oferece praticidade para correntistas do banco Bradesco;

  • A conta Easy/BB Américas pode ser interessante para correntistas do Banco do Brasil.

Gerencie seu dinheiro com a WiseGerencie seu dinheiro com a Revolut

Conta Wise

A Wise é um provedor especializado em pagamentos e transferências internacionais. Sua conta multimoedas é online, gratuita e permite converter, guardar e gastar mais de 40 moedas em 160 países.

Os usuários podem solicitar gratuitamente um cartão de débito internacional da bandeira Visa que facilita pagamentos e saques no exterior. Ainda é possível usar dados bancários locais para receber dinheiro em até 9 moedas, incluindo dólar, euro e libra esterlina.

A conversão do dinheiro envolve tarifas reduzidas e transparentes, que incluem  câmbio comercial sem margem, IOF de 1,1% e taxa de serviço a partir de 0,43%. Todos os valores são exibidos em simulações antes do início de cada operação.

  • A conta da Wise é melhor para: converter, guardar e gastar dinheiro em diferentes moedas com economia;

  • Cartão de viagem da Wise: de débito, emitido na bandeira Visa e aceito em +160 países;

  • Taxas de transação estrangeira: não há;

  • Saques internacionais em caixas eletrônicos: 2 saques gratuitos por mês com limite de BRL 1.400 mensais. Depois, 6,50 BRL por saque e 1,75% sobre valor excedente.

Confira a avaliação completa da conta Wise.

Abra a sua conta Wise

Conta Revolut

Outra alternativa de conta multimoedas, a Revolut oferece suporte a mais de 30 moedas para usar em mais de 150 países. Assim como a Wise, o provedor permite recargas em moedas estrangeiras para usar em pagamentos, compras e saques no exterior como um local.

O usuário também pode contar com um cartão internacional da bandeira Visa para compras e saques e tem acesso a serviços bancários adicionais, como poupanças e investimentos em diferentes tipos de ativos.

As tarifas da Revolut incluem o câmbio comercial sem margem, IOF de 1,1% e taxa de serviço de 1% em horário comercial e 2% fora do horário comercial para a conversão de dinheiro.

  • A conta da Revolut é melhor para: usar diferentes moedas e aproveitar recursos bancários adicionais ao mesmo tempo;

  • Cartão de viagem da Revolut: de débito, emitido na bandeira Visa e aceito em +150 países;

  • Taxas de transação estrangeira: não há;

  • Saques internacionais em caixas eletrônicos: valores ainda não informados no Brasil.

Confira a avaliação completa da Revolut.

Abra a sua conta Revolut

Conta Nomad

A Nomad oferece uma conta corrente em dólar sediada nos Estados Unidos. Com acesso a descontos em lojas parceiras e investimentos internacionais, é ideal para quem pretende concentrar as suas operações nos EUA. Apesar disso, também realiza a conversão automática do dinheiro caso o usuário esteja em um país de outra moeda.

A Nomad também aplica o câmbio comercial sem margem, IOF de 1,1% e tarifas de até 2% para o câmbio. O usuário também tem direito a transferências locais, via ACH e Wire, e saques gratuitos em caixas eletrônicos da rede AllPoint.

  • A conta da Nomad é melhor para: fazer operações em dólar nos Estados Unidos;

  • Cartão de viagem da Nomad: de débito, emitido na bandeira Visa e aceito em +180 países;

  • Taxas de transação estrangeira: não há;

  • Saques internacionais em caixas eletrônicos: Usando o caixa eletrônico da rede MoneyPass o saque é gratuito, com limite de US$ 500/dia.

Confira a avaliação completa da conta Nomad.

Conta Bradesco

O Bradesco oferece a My Account, conta internacional em dólar para correntistas. No momento, não são cobradas taxas de abertura ou anuidade, mas a isenção é anunciada por tempo limitado.

A conta é 100% digital e permite converter e guardar dólares, além de enviar dinheiro para outras contas Bradesco no exterior. Também oferece um cartão de débito internacional emitido na bandeira Visa e aceito em mais de 195 países e territórios.

A conversão de moeda aplica o câmbio comercial sem margem e IOF de 1,1%, mas não foram informados os custos da taxa de serviço e de saques internacionais.

  • A conta do Bradesco é melhor para: correntistas que buscam praticidade para operar em dólar;

  • Cartão de viagem do Bradesco: de débito, emitido na bandeira Visa e aceito em +195 países;

  • Taxas de transação estrangeira: não informado;

  • Saques internacionais em caixas eletrônicos: Tarifas e limites não informados.

Conta BB Américas

O BB Américas é uma subsidiária do Banco do Brasil localizada nos Estados Unidos. A instituição oferece diferentes tipos de contas em dólar para correntistas brasileiros do Banco do Brasil que residem no Brasil ou nos EUA. A conta Easy é uma solução sem taxa de abertura, mas exige um depósito inicial de USD 100.

A conta pode ser aberta pelo aplicativo do Banco do Brasil e permite converter, guardar, gastar e transferir dinheiro em dólares. Não são informadas as tarifas aplicadas ao câmbio e os saques são gratuitos em caixas da rede BB Américas, Presto e Allpoint. Em caixas de outras marcas, as retiradas são tarifadas em USD 3.

  • A conta do Banco do Brasil é melhor para: correntistas que buscam praticidade para operar em dólar;

  • Cartão de viagem do Banco do Brasil: de débito, emitido na bandeira Visa;

  • Taxas de transação estrangeira: não informado;

  • Saques internacionais em caixas eletrônicos: Tarifas e limites não informados.

Quais são as vantagens dos bancos internacionais?

Os bancos internacionais podem oferecer vantagens bastante interessantes para quem precisa fazer operações financeiras no exterior:

  • Normalmente, as contas internacionais costumam aplicar tarifas reduzidas para a conversão e o uso de moedas estrangeiras no exterior;

  • Em contas multimoedas, você pode manter saldo em diferentes moedas estrangeiras, o que facilita compras e saques em diversos países;

  • Contas com cartões de débito permitem saques de acordo com a necessidade do usuário, reduzindo os riscos de transportar dinheiro em espécie;

  • Em contas internacionais digitais, o usuário pode fazer operações financeiras sem sair de casa e no horário que desejar, incluindo após o horário comercial e aos finais de semana;

  • Algumas contas oferecem recursos bancários adicionais, como investimentos e programas de pontos.

Solicite o cartão de débito WiseSolicite o cartão de débito da Revolut

Como escolher a melhor conta bancária internacional para as suas necessidades

Como a escolha da melhor conta bancária vai depender das necessidades de cada usuário, é importante prestar atenção a alguns pontos durante a sua pesquisa:

  • Moedas suportadas: confira se a conta permite manter saldo na moeda utilizada no seu país de destino;

  • Taxas de conversão: prefira bancos e provedores que usam o câmbio comercial e IOF de 1,1% para a conversão do dinheiro;

  • Tarifas de transação: confira se há taxas para fazer pagamentos e saques no exterior;

  • Cartões internacionais: escolha provedores que oferecem cartões vinculados que permitem compras e saques internacionais;

  • Serviços necessários: garanta que o provedor escolhido ofereça todos os serviços que você precisa.

Como abrir uma conta internacional

As etapas de abertura de uma conta bancária internacional costumam variar de acordo com o banco ou provedor escolhido. Apesar disso, existem alguns processos comuns, como apresentar documentos de identificação ou comprovantes de renda.

Veja, como exemplo, o passo a passo para abrir uma conta no Banco do Brasil e para abrir uma conta na Wise:

Como abrir uma conta no BB Américas

  1. No app do Banco do Brasil, clique no Menu e, em seguida, "Câmbio";

  2. Selecione a opção "Conta BB Américas";

  3. Clique em "Avançar" e "Abrir minha conta";

  4. Confirme que aceita ir para a página do BB Américas Bank clicando em "Continuar";

  5. Siga as instruções da plataforma e conclua o seu cadastro.

Como abrir uma conta na Wise

  1. Visite o site ou app da Wise e clique em "Criar conta";

  2. Registre-se com seu e-mail, uma conta Google ou Facebook;

  3. Indique o seu país de residência principal;

  4. Insira um número de telefone válido e confirme o número informando o código enviado;

  5. Crie uma senha segura.

Abra a sua conta Wise

Documentos necessários para abrir uma conta digital

Normalmente, os documentos exigidos para a abertura de uma conta digital são:

  • Documento de identificação com foto (RG, CNH ou passaporte);

  • Comprovante de endereço;

  • Comprovante de renda.

Como abrir uma conta bancária internacional online

Alguns bancos oferecem opções online para abertura de conta, enquanto em outros o processo pode ser iniciado online e concluído com uma visita a uma agência física. Em plataformas como a Wise e a Revolut, o processo é 100% digital, incluindo a etapa de verificação.

Algumas etapas comuns da abertura de uma conta online são:

  • Visitar a página do provedor escolhido;

  • Informar nome, e-mail e endereço;

  • Apresentar um documento de identificação com foto;

  • Confirmar a sua identidade com uma selfie.

Quais são os melhores bancos internacionais sem taxas?

Alguns bancos internacionais dizem não cobrar taxas, mas podem acabar aplicando tarifas ocultas. Para facilitar a comparação entre os bancos e provedores apresentados neste artigo, confira a estrutura de preços de cada um a seguir:

  • Wise: câmbio comercial + IOF de 1,1% + taxa de serviços a partir de 0,43% para a conversão do dinheiro. Não há taxas de operação internacional e nem taxa de abertura ou anuidade;

  • Revolut: câmbio comercial + IOF de 1,1% + taxa de serviços de 1% (horário comercial) para a conversão do dinheiro. Não há taxas de operação internacional e nem taxa de abertura ou anuidade;

  • Nomad: câmbio comercial + IOF de 1,1% + taxa de serviços de até 2% para a conversão do dinheiro. Não há taxas de operação internacional e nem taxa de abertura ou anuidade;

  • Bradesco: Câmbio comercial + IOF de 1,1% + taxa de serviço não informada. Não informa se há taxas de operação internacional e não cobra taxa de abertura da conta internacional;

  • BB Américas: Não são informados os valores para o câmbio. O banco exige um depósito de USD 100 para a abertura da conta.

Saiba mais sobre a WiseSaiba mais sobre a Revolut

Qual é o banco internacional mais seguro?

Os bancos apresentados neste artigo contam com a proteção de fundos como o Fundo Garantidor de Crédito (FGC), enquanto os provedores são regulados por órgãos relevantes nos seus países de origem e onde atuam.

  • Wise: regulada pelo Banco Central do Brasil, tem uma equipe anti fraude e emprega recursos como verificação de identidade e notificações a cada operação;

  • Revolut: regulada pela Financial Conduct Authority (FCA) no Reino Unido. Usa sistemas de segurança avançados que usam o machine learning, verificação de identidade, avisos em tempo real;

  • Nomad: oferece a proteção de até USD 250 mil garantida por instituições financeiras dos EUA;

  • Bradesco: conta com a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC), que oferece a proteção de até BRL 250 mil por CPF;

  • Banco do Brasil: conta com a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC), que oferece a proteção de até BRL 250 mil por CPF.

Melhores formas de sacar dinheiro em viagens ao exterior

Embora os pagamentos com cartão ou até mesmo sem contato tenham se tornado muito comuns na era digital, ainda pode ser necessário sacar dinheiro em algumas regiões.

Veja algumas dicas para retirar valores sem pagar tarifas elevadas:

  • Verifique as taxas aplicadas pelo seu banco ou provedor para a conversão de moeda;

  • Confira as marcas de caixas eletrônicos compatíveis com o seu cartão e verifique se há alguma parceria ou limite que garanta saques gratuitos;

  • Prefira contas multimoedas, que permitem adicionar saldo em diversas moedas diferentes. Assim, você pode reduzir os gastos com a conversão no exterior;

  • Evite sacar pequenos valores para reduzir possíveis gastos com tarifas;

  • Sempre que possível, use a conversão de moeda do seu provedor e recuse a operação com a tarifa do caixa eletrônico.

Como evitar taxas de transação estrangeira

Alguns bancos e provedores cobram tarifas sobre as operações financeiras realizadas no exterior. Por exemplo, aplicar tarifas a cada compra ou pagamento internacional.

Veja algumas dicas para evitar tarifas de transação internacional:

  • Prefira provedores que não aplicam taxa de transação internacional, como Wise e Revolut;

  • Prefira contas multimoedas, que permitem adicionar saldo em diferentes moedas estrangeiras. Ao usar moedas locais, os custos com a conversão podem ser reduzidos;

  • Ao optar por contas multimoedas, faça recargas antecipadamente para evitar a conversão automática do dinheiro.

Conclusão sobre o melhor banco internacional para expatriados

O Brasil oferece algumas alternativas muito interessantes de serviços para quem precisa fazer operações financeiras no exterior. Para escolher a melhor conta internacional, no entanto, é importante considerar as suas necessidades para a viagem e o seu perfil de gastos.

Vale lembrar que os recursos e as vantagens de contas de bancos e provedores são distintos. Bancos como Bradesco e Banco do Brasil oferecem contas exclusivas para os seus correntistas e podem exigir depósitos mínimos ou cobrar taxas de transação internacional.

Já provedores digitais, como Wise, Revolut e Nomad, têm contas digitais e gratuitas que podem ser abertas via website ou aplicativo, sem burocracias. Embora a quantidade de moedas suportadas varie conforme a plataforma, é comum a aplicação de tarifas reduzidas para o câmbio e a isenção de taxas de operações internacionais.

Abra a sua conta WiseAbra a sua conta Revolut

Perguntas frequentes sobre os melhores bancos para viagens internacionais

Você pode abrir uma conta internacional online?

Sim, diversos provedores, como Wise e Revolut, oferecem a abertura de contas internacionais de forma online, proporcionando praticidade e agilidade no processo.

Quais são as melhores contas internacionais sem taxas?

Todas as contas terão taxas para algum serviço, especialmente a conversão de dinheiro. Provedores como Wise e Revolut adotam taxas competitivas para o câmbio e não cobram tarifas como anuidade ou taxa de operação internacional.

Qual a melhor conta para viagens internacionais?

A melhor conta para viagens internacionais vai depender das suas necessidades. Opções como Wise e Revolut oferecem suporte a várias moedas, taxas competitivas e facilidade de uso.

Como você pode evitar cobranças do provedor ao viajar internacionalmente?

Você pode evitar cobranças desnecessárias ao optar por contas multimoedas, como as da Wise e Revolut, que permitem pagamentos e saques usando moedas locais.

Qual provedor não cobra taxas de caixas eletrônicos internacionais?

Muitos bancos e provedores oferecem saques gratuitos em caixas eletrônicos parceiros ou garantem um limite de saques não tarifados por mês. Confira todas as condições com antecedência.

Você deve ter uma conta separada para viagens?

Ter uma conta separada para viagens pode facilitar o controle financeiro e ajudar a evitar taxas elevadas em transações internacionais. Você pode escolher bancos como Bradesco e Banco do Brasil ou provedores como Wise, Revolut e Nomad.